Pet

10 Formas Fáceis de Treinar um Filhote [SIMPLES E PRÁTICO]

Veja Agora quais são as 10 Formas Fáceis de Treinar um Filhote!

10 formas fáceis de treinar um filhote

Se você realmente adora o seu filhote mais o latido, as mordidas e o mau comportamento estão te deixando louco, não precisa se desesperar.

Nesse artigo você vai saber quais são as 10 formas fáceis de treinar um filhote de maneira simples que qualquer pessoa pode fazer.

Nem todo mundo tem dinheiro para bancar um treinador profissional, mas ainda bem que há muitas coisas que você pode fazer em casa, para resolver o problema.

Para tomar as rédeas da situação, ou melhor a coleira continue lendo para aprender o que fazer e o que não fazer ao treinar o filhote.

e não se esqueça de clicar no botão inscrever-se nem de ativar o Sininho de notificações para juntar-se à nós no lado incrível da vida

1 – Não grite com seu filhote

Pode ser difícil manter a calma se o seu filhote morder os cabos do seu notebook ou se ele não parar de latir e essas coisas sempre acontecem quando você precisa terminar um trabalho em casa ou quando só quer descansar um pouco.

Ao gritar, você corre o risco de quebrar o vínculo precioso que já tem com seu cãozinho.

Os cachorros são muito ligados aos seres humanos, então aumentar o tom de voz, pode deixar os estressados e ansiosos.

E o pior, isso pode ter efeito contrário, deixando-os ainda mais agitados com a situação.

Eles podem entender que latir é legal, já que você está latindo também.

2 – Seja firme

Aqueles olhos grandes podem impedi-lo de falar qualquer coisa com seu filhote quando ele se comporta mal.

Porém, para ensiná-lo você precisa ser firme.

Filhotes precisam de um líder do bando e se eles virem você como alguém mais tranquilo, muito flexível eles não estarão motivados a se comportar melhor.

Por isso é importante manter sua voz firme se você estiver tentando corrigi-lo, mas sem gritar.

O filhote irá perceber o seu tom de voz e reconhecer sua autoridade.

A melhor coisa a fazer é falar com o filhote usando palavras simples que ele possa entender.

Da próxima vez que o cachorrinho estiver tentando subir no sofá, diga não com a voz firme.

3 – Sem Violência

 

ameaçar ou usar dor, nunca são boas maneiras de adestrar um filhote.

Esse comportamento apenas ensina os cachorros a terem medo de seus donos e a perderem a confiança natural que deposita neles.

Mesmo se você não machucar fisicamente o seu filhote, usar uma coleira de choque nos ensina a responder por medo ameaçar, punir

Ao bater o pé no chão próximo ao Pet, passa a mensagem de que você deve ser visto como uma ameaça.

Mantenha um vínculo forte e saudável com ele evitando a violência física a qualquer custo.

4 – Cantinho do Pensamento

O cantinho do pensamento é uma boa técnica para ensinar seu filhote a parar de fazer algo irritante ou agressivo.

Da próxima vez que latido alto dele o fizer perder a cabeça, ou ele for agressivo com outro filhote, coloque-o em um caixote e leve-o para um local que ele vai achar entediante.

Pode ser o banheiro ou um quarto. Escolha um local seguro. seu cãozinho deverá ficar lá de 2 a 3 minutos, não mais que isso.

Sempre que ele se comportar mal diga a palavra “castigo” e o coloca no mesmo lugar.

Fazendo assim, ele vai entender que mau comportamento resulta em ficar longe de brinquedos e pessoas.

5 – Não encarem o seu filhote

Quando você está conversando com uma criança que se comportou mal, o contato visual pode ser importante para enfatizar a seriedade da situação.

Mas para um cachorro, olhar diretamente por muito tempo pode ser ameaçador.

Então este não é um método muito eficaz para educá-lo.

O seu filhote pode olhar nos seus olhos quando ele quer um agrado, quando está esperando por comida ou quando quer dar uma volta, mas se você encará-lo ele pode se sentir desconfortável, assim como nós ficamos.

Nesse caso, o cãozinho provavelmente vai se deitar, olhar para o outro lado e fazer o que puder para se livrar de você, pois vai enxergá-lo como alguém intimidador.

Encarar torna o processo de treinamento muito mais difícil para o filhote.

6 – Corrija as mordidas e mordiscadas

De acordo com o Cesar´s Way do site do famoso e encantador de Cães Cesar Millan, uma boa técnica para fazer o filhote parar de mordiscar é responder com um gemido de cachorro.

Quando um filhote brinca com outro e morde com força, o que foi atingido solta um gemido e o seu companheiro o solta.

Se o filhote o morder, emite esse gemido para ensiná-lo que isso não é aceitável.

Outra técnica é dar um mordedor para o cachorrinho quando você perceber que ele vai te morder.

Isso vai mostrar ao Pet o que pode e o que não pode ser mordido.

7 – Não espere que ele saiba onde fazer as necessidades

Todo filhote precisa de uma rotina rigorosa para ser treinado a fazer cocô no lugar certo.

O sistema digestivo do cachorro é bom, então eles normalmente precisam fazer o número 2 de 5 a 30 minutos depois de comer.

Se a sua rotina for um pouco frenética e o seu filhote come em horários diferentes todos os dias, ou você não pode levá-lo para dar uma volta em horários regulares, pode se preparar para encontrar uma surpresa fedorenta de vez em quando ao chegar em casa.

Como dono, você deve estabelecer uma rotina rígida de alimentação e de passeios

8 – Seja Consistente

Se ontem você colocou o filhote de castigo por latir de forma desnecessária e hoje deixa passar, ele vai ficar confuso e não vai aprender a melhorar o comportamento.

Os exemplos mais comuns são:

  • Deixar o cachorro dormir em sua cama um dia e no outro não;
  • Deixar que ele arranhe a mesa de vez em quando;
  • Latir para a campainha algumas vezes;
  • Deixar que mastigue alguns objetos inapropiados, mas outros não.

Esse nível de inconsistência, vai deixar o cãozinho confuso em relação aos limites que ele deve respeitar.

Portanto, ser consistente é importante mesmo que seja cansativo em um primeiro momento.

A boa notícia é que com disciplina, um filhote vai aprender muito rápido, normalmente de quatro a seis meses.

Nesse período, a maioria deles saberá diferenciar o certo do errado e se tornará adestrado.

9 – Não Brigue Muito Tempo Depois da Travessura

Se você chega em casa e descobre que o seu querido filhote derrubou um vaso precioso e briga por algo que aconteceu à algum tempo, ele não vai saber porque está sendo repreendido.

Você deve punir o mau comportamento quando o pegar no flagra. Essa é a única forma de ele associar o mau comportamento a correção.

Se você estiver assistindo TV e o pequeno pet começar a mordiscar o seu sapato, pode parecer uma gracinha sim, mas tirar dele gentilmente ou mudar o seu sapato de lugar vai ensiná-lo a não morder calçados no futuro. O segredo é corrigir na hora!

10 – Eduque e dê Recompensas

Os filhotes precisam saber quando se comportam mal e quando se comportam bem. Para fazê-los entender não só as coisas ruins, mas também as boas.

É necessário educá-los no método de dois critérios.

Se o seu Pet parou de morder a almofada quando você falou “não”, então está na hora de uma recompensa.

Se ele se acalmou depois de ficar de castigo, merece uma recompensa.

Se ele finalmente aprendeu a fazer as necessidades no jardim dê a ele os parabéns pelo bom trabalho.

Mas lembre-se de recompensá-lo imediatamente depois do ato, assim ele vai associar bom comportamento com recompensa.
Os filhotes podem ser desafiadores para donos novatos ou mesmo para os mais experientes, já que cada um vem com uma diferente gama de comportamentos e tipos de personalidade.

Apesar das travessuras, os cãezinhos podem trazer alegria para sua família e serão adestrados bem rápido se você seguir essas recomendações.

Se você já tentou por alguns meses e o seu filhote continua quebrando a casa toda, converse com o seu veterinário, pois ele poderá recomendar um adestrador profissional ou alguma escola de adestramento canino.

Quer saber mais sobre o incrível mundo dos Pets?

Siga as dicas do blog Coisas de Pet e saiba tudo sobre como cuidar melhor do seu amiguinho de quatro patas.

Espero que tenham gostado das dicas! Deixe aqui abaixo nos comentários qual foi o seu maior desafio ao treinar um filhote.

Não se esqueça de compartilhar esse artigo com seus amigos. Até a próxima!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.
error: CUIDADO, conteúdo protegido!!